Idoso mata neta de 10 anos com óleo de motor

Um idoso de 60 anos foi preso em flagrante, neste domingo (27), por matar a neta, de 10 anos, em uma aldeia da zona rural de Aral Moreira - distante 368 quilômetros de Campo Grande. O homem foi capturado por moradores locais, que aguardaram a chegada da polícia.

De acordo com as informações levantadas pela Polícia Civil, liderança da Aldeia Guayvyri, localizada na região rural de Aral Moreira, entrou em contato com a equipe, relatando que uma criança, de 10 anos, havia sido morta pelo avô materno.

A polícia foi até a aldeia e constatou a veracidade das informações. Os próprios moradores da aldeia, após o cometimento do crime e com a orientação da liderança do local, capturaram o autor e aguardaram a chegada da Polícia Civil para a condução e finalização do flagrante delito, com a consequente prisão do idoso.

Informações obtidas na área indígena apontam que o autor utilizou óleo de motor usado e fez com que a criança ingerisse o líquido, até que se consumasse a morte. A criança era PcD (Pessoa com Deficiência) e apresentava mobilidade reduzida, fato este que, aliado à sua pouca idade, a impossibilitava de se defender dos ataques do agressor.

Após a prisão em flagrante, o autor foi encaminhado à 1ª Delegacia de Polícia de Ponta Porã, para os devidos procedimentos e consequente comunicação da prisão, ficando à disposição da justiça.