Me irritava’, diz homem suspeito de atirar e matar cachorro

Um homem, de 28 anos, foi preso suspeito de atirar e matar um cachorro, em Mundo Novo (MS), a 463 km de Campo Grande. De acordo com a Polícia Civil, o homem confessou o crime.

Para a polícia, o homem contou que mora perto da empresa e que sempre que passava pelo local o cachorro latia para ele. “Me irritava”, disse às autoridades.

Na tarde de segunda-feira (21), o suspeito caminhava por uma estrada rural da cidade quando viu o cachorro amarrado em frente à empresa de reciclagem. Segundo a polícia, o homem se aproximou e disparou contra o animal, que morreu na hora.

Minutos depois, a tutora do cão chegou ao local e viu que ele estava morto com uma perfuração de arma de fogo. A mulher acionou a Polícia Militar.

Após ser preso, o homem contou que comprou a arma há cerca de 10 dias. Ele foi indiciado pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e maus-tratos a animais qualificado pela morte do cão. Segundo a Polícia Civil, a pena pode chegar a sete anos de prisão.