Homem mata ex-esposa e atira na amante após traição ser descoberta

Uma mulher de 47 anos foi morta a tiros pelo ex-marido, em Iguatu, no Ceará, nesta segunda-feira (23), em frente da própria residência. A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS-CE) informou que o suspeito ainda lesionou uma outra mulher, de 44 anos, com quem teria um relacionamento amoroso. A segunda vitima chegou a ser socorrida, mas morreu enquanto recebia atendimento em um hospital. Após lesionar as duas mulheres, ele foi até um estabelecimento comercial onde tentou disparar contra um homem, de 34 anos, ex-sócio do suspeito em um negócio.

Cícero Roberto da Silva, de 60 anos, tem antecedentes por porte ilegal de arma de fogo, furto e contravenção penal. O idoso foi preso em flagrante sob suspeita de participação em um feminicídio. O suspeito foi encontrado com uma arma de fogo, calibre 38, na zona rural do município e não ofereceu resistência à prisão.

O homem foi autuado por dois feminicídios, tentativa de homicídio e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. Além da arma, dois celulares e uma motocicleta foram apreendidas. Com a PC-CE, também participaram da ocorrência a Polícia Militar do Ceará (PMCE), Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). As investigações estão sob responsabilidade da Delegacia de Defesa da Mulher de Iguatu.